bolsa atleta
Programa Invista Salvador atrai empreendimento de multinacional francesa que vai gerar mais de 600 empregos
01/12/2023 09:21 em Novidades
O prefeito de Salvador, Bruno Reis, destacou nesta quinta-feira (30), durante inauguração da primeira loja da Leroy Merlin, no Horto Bela Vista, os resultados do programa Invista Salvador, iniciativa lançada em agosto passado que visa divulgar e posicionar a capital baiana como um terreno propício para o desenvolvimento de novos negócios.
 
A multinacional francesa, presente em 11 países, com mais de 88 mil colaboradores e 464 lojas, é a primeira grande empresa que chega a Salvador a partir do programa. A loja possui 20 mil metros quadrados e vai gerar mais de 600 empregos diretos e indiretos para a cidade.
 
“Quando soubemos que a Leroy tinha o desejo de se instalar aqui em nossa cidade, havia muitos desafios, mas eu tinha a exata compreensão e noção do quanto era importante termos uma rede internacional aqui em Salvador. E todos os que trabalharam aqui, em parceria com a Prefeitura, sabem da nossa celeridade, da nossa agilidade para que essa obra acontecesse”, frisou o prefeito.
 
“Vejam o quanto essa unidade é importante para nossa economia. No período das obras, ela gerou milhares de empregos. Agora, com a inauguração, 350 empregos diretos e mais de 300 empregos indiretos foram criados. São mais de 60 fornecedores locais que prestarão serviço”, acrescentou o chefe do Executivo municipal.
 
Bruno Reis também ressaltou os esforços municipais para captação de grandes empreendimentos para a capital baiana. O Invista Salvador, conforme pontuou o prefeito, possui três pilares: melhoria do ambiente de negócios, com uma série de medidas de desburocratização; atendimento ao empreendedor, que vai identificar e auxiliar empresários que queiram investir; e inteligência de mercado, com a realização de estudos econômicos que forneçam base técnica para os interessados.
 
“O Invista Salvador pega na mão de quem quer empreender, de quem quer investir, porque aqui a gente vê o empresário, o empreendedor, como alguém que vai gerar riqueza para nossa cidade. Por isso, o programa oferece um conjunto de estímulos e incentivos fiscais para gerar mais negócios. Só assim a gente vai conseguir acabar com as desigualdades sociais”, acrescentou o prefeito.
 
Secretária de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda (Semdec), Mila Paes reforçou que a chegada da Leroy Merlin é a concretização das ações de atração de empresas e de atendimento a investidores do município: “É a primeira grande empresa nova que chega na cidade através de pilares do programa”.
 
Já o diretor de Desenvolvimento, Expansão e Relações Institucionais da Leroy Merlin, Renato Augusto Coltro, avaliou o apoio do município para a implantação da loja. “Vemos muito potencial em Salvador, pela sua população e pela oportunidade de ajudar a desenvolver a cidade. O Invista Salvador nos ajudou a fazer todo o processo de aprovação e de licenciamento de maneira muito profissional, fluida e profunda”.
 
O executivo contou ainda que a empresa obteve o benefício do IPTU Verde, no qual a Prefeitura de Salvador oferece descontos no tributo para empreendimentos que contemplem práticas e ações de sustentabilidade.
 
“Obtivemos uma certificação internacional americana, que reúne mais de 30 requisitos sustentáveis e ambientais de obra, comprovando que o prédio foi feito, concebido e executado respeitando o meio ambiente. E aí, no final, conseguimos esse benefício do IPTU Verde, que é muito importante para o nosso projeto”, emendou.
 
Setor atacadista - Pela manhã, o prefeito Bruno Reis participou da abertura de mais uma unidade do Assaí Atacadista, na Avenida Paralela. Com 8 mil metros quadrados, esta é a maior loja da rede em funcionamento no estado, sendo responsável por gerar cerca de 500 empregos, entre diretos e indiretos.
 
“Só hoje estamos falando em mais de mil empregos criados. Veja quanto é importante para nossa cidade, atrair mais investimentos, mais empresas com esse perfil que possam se instalar aqui, para ajudar a gente a dinamizar ainda mais a nossa economia”, completou o chefe do Executivo municipal.
COMENTÁRIOS